Q&A

O que e briofitas e pteridofitas?

O que é briófitas e pteridófitas?

Briófitas e Pteridófitas fazem parte do grupo das criptógamas, plantas que não possuem sementes. Assim como todas as plantas, as Criptógamas possuem um ciclo reprodutivo haplodiplobionte, onde ocorre uma alternância de gerações (metagênese) com reprodução assexuada e reprodução sexuada.

Qual a diferença entre as briófitas e as pteridófitas?

As pteridófitas são plantas que não possuem sementes, porém, ao contrário das briófitas, têm vasos condutores de seiva e são consideradas traqueófitas. As principais diferenças entre briófitas e pteridófitas são o ciclo de vida e a presença ou não de vasos condutores.

Quais são as características das briófitas e pteridófitas?

As briófitas e as pteridófitas são plantas criptógamas (cripto = escondido; gama = gametas) isto é, apresentam estruturas produtoras de gametas pouco visíveis. Não apresentam flores, frutos nem sementes.

Qual a semelhança entre as briófitas e as pteridófitas?

– Ambas são hermafroditas. – Não produzem flores, sementes e frutos. – Ambas habitam ambientes úmidos e assombrados, e algumas em água doce.

Qual a diferença entre bryophyta e briófitas?

As briófitas são plantas de pequeno porte que não possuem tecidos de sustentação e vasos condutores (avasculares). Elas podem ser classificadas em três grupos, representados pelos filos Bryophyta (musgos), Hepatophyta (hepáticas) e Anthocerophyta (antóceros).

Quais são os representantes das briófitas e pteridófitas?

Os representantes das briófitas são musgos, antóceros e hepáticas. Musgo: São baseados de clorofila e seu crescimento é limitado. Hepáticas: Possui esporófitos sem clorofila, crescimento limitado. Antóceros: O esporófito pode se sustentar independentemente do gametófito, possui crescimento ilimitado.

Qual a diferença entre o gametófito das pteridófitas é briófitas?

As briófitas não possuem vasos condutores de seiva. A fase dominante é a gametófito, pois produzem gametas. O esporófito é passageiro e depende do gametófito. As pteridófitas possuem vasos condutores de seiva.

Quais são as características das pteridófitas?

Pteridófitas são plantas vasculares, ou seja, que apresentam vasos condutores de seiva. Essas plantas não possuem flores, sementes ou frutos e sua reprodução é dependente de água, uma vez que apresentam anterozoides flagelados que precisam nadar até a oosfera para que a fecundação ocorra.

Qual as principais características de uma Briofita?

As briófitas são plantas avasculares (não possuem vasos condutores de seiva) que crescem em solos úmidos, pedras ou troncos de árvores, sendo os musgos seus principais representantes. O esporófito das briófitas é diploide (2n) e é menos desenvolvido e de curta duração.

O que as pteridófitas tem em comum com as angiospermas?

As angiospermas são as primeiras plantas a possuir raiz, caule e folhas e, por isso, dependem de vascularização para sobreviver. Os vasos condutores permitiram que as plantas aumentassem o seu porte e se adaptassem ao ambiente terrestre. Normalmente as pteridófitas possuem pequenas folhas, os folíolos.

Quais seriam as principais características das pteridófitas?

As pteridófitas são um grupo de plantas que apresentam vasos condutores e não possuem sementes. As pteridófitas possuem tecidos especializados, apresentando sistema dérmico, vascular e o fundamental. Diferentemente das briófitas, as pteridófitas apresentam estruturas como raízes, caules e folhas.

Quais os 3 Filos dos briófitos Quais as semelhanças e diferenças entre eles?

Podemos classificar as briófitas em três filos: Bryophyta, Hepatophyta e Anthocerophyta. O filo mais conhecido é o Bryophyta, que apresenta o musgo como representante. As hepáticas são plantas pertencentes ao filo Hepatophyta. Já os antóceros pertencem ao filo Anthocerophyta.